Pesquisa

Carregando...

Resenha do livro "Amor de Perdição"

André Felipe André Felipe, 26 de maio de 2008.

Como esta é a primeira resenha que publico aqui, selecionei um tópico muito especial: o livro Amor de Perdição, de Camilo Castelo Branco. Trata-se de parte de um trabalho escolar que fiz há alguns anos.

Tirei uma boa nota neste trabalho e o professor gostou do modo como eu desenvolvi a análise das características da obra - o texto que segue abaixo, cuja folha nomeei "opinião pessoal" na época. O detalhe irônico é que nunca li o livro. Somente li as informações da contra-capa, um resumo que me deram e as páginas de meu livro de literatura sobre o autor. Aqui está o texto, ipsis literis:

Opinião pessoal

Primeiramente, gostaria de apontar a maravilhosa habilidade de Camilo Castelo Branco. Apesar de levar uma vida boêmia, ter tido várias mulheres, problemas pessoais, dívidas e contratempos, este ilustre escritor conseguia escrever obras grandiosas (muitas delas feitas apressadamente sem qualquer outro interesse senão o financeiro)¹ como Amor de Perdição.

Mesmo sido Amor de Perdição baseada em uma obra estrangeira, - seja em Romeu e Julienta, seja em Werther - o autor expõe diversos pontos típicos de Portugal, além de seguir outros valores romantistas, como o do herói, da passionalidade e do amor proibido.

Amor de Perdição é um exemplo da contradição romantista. Por um lado, o Romantismo impõe aversão a todos os moldes clássicos, por outro, tem - nessa obra -um final extremamente passionalista, muito semelhante aos encontrados nas tragédias greco-romanas.

Com uma história envolvente, esperançosa e sentimentalista, Amor de Perdição é, com certeza, uma das maiores obras da língua portuguesa.

¹A Literatura Luso-brasileira em Prosa, volume 2.

9 comentários:

  1. Cara ajudo pakas!!!
    Brigadaum!

    muito boa sua opiniao

    ResponderExcluir
  2. Valeuuuuuuuuu, André!
    A sua resenha me ajudou muito e os comentários foram bem claros.
    Consegui desenvolver a minha resenha após consultar a que você escreveu.

    Grata! Valdelice

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigada André,sua resenha foi de muita importância para o desenvolvimento da minha,pois haviam pontos na história que estavam comlicando minha dissertação e com a tua opinião,ficou muito mais claro e fácil.


    Diana.

    ResponderExcluir
  4. Você realmente tem uma abilidade incrível para desenvolver textos de opinião, sem se quer ter lido a obra... Está de parabéns ^^ Eu bem que queria ter esse "super-poder" xD
    ;*

    ResponderExcluir
  5. Sabrina, obrigado! :D Naqueles anos de ensino médio passei por uma fase bem criativa.

    ResponderExcluir
  6. mew vou falar q eu naum queria ler oq vc escreveu
    ai eu procurei outros sites e navegando encontrei o seu DE NOVO
    ai eu pensei "poxa de novo mas como nenhum prestou vou ler ele mesmo"
    e admito q a sua anlise esta melhor do que em muito site
    pena q tive q navegar por um bomtempo até xegar aki
    sem ler a obra!!!!!!!!!!!
    parabéns

    ResponderExcluir
  7. AI parceiro , aqui e marcus vinicius , moro na BAHIA , Sou mineiro , fasso o 2° E.Medio , do IASC PITAGORAS , sua concepçao de resumo e muito boa , e ficou muito exclarecido para min , qe foi passado um trabalho em sala de aula , sobre a obra,para fazer uma resenha , agradeço ai pela grande 'ajuda' , tanks : meu email pra tu add ai si qiser : marcus_andrade_sena@hotmail.com , vlw

    ResponderExcluir
  8. cara gostei muito de sua resenha esta me ajudando muito, principalmente para desenvolver o meu texto de vida gratias é Buenos dias.

    ResponderExcluir

Aviso

Estou reorganizando o blog e algumas coisas podem estar fora de lugar. Os comentários antigos já foram transferidos para o sistema do Disqus.