Pesquisa

Dicas de segurança para quem usa o Live Messenger

André Felipe André Felipe, 2 de maio de 2009.

O Live Messenger é um dos programas mais usados por usuários leigos, que também são os mais vulneráveis a ataques e fraudes on-line. Para se proteger, confira estas recomendações.:policia:

Cartão de visita do Live MessengerO Live Messenger é uma ferramenta útil, porém pode virar um vício.

Além dos tópicos abaixo, observe também as dicas que dei em Manifesto do Comportamento na Internet.

Não revele dados pessoais

Ao criar uma conta para usar o programa, há campos para informações como número de telefone e endereço, mas você não deve preenchê-los. Num bate-papo, evite fornecer qualquer informação particular.

Ignore estranhos

Sempre alguém me conta que um desconhecido o adicionou como contato e começou uma conversa, insistindo que se conheciam. Não perca seu tempo nem se exponha a malandragens: bloqueie e remova pessoas que não conhece da sua lista de amigos. Lembre-se de não acreditar em tudo que lê.

Não clique em links suspeitos

Existem vírus que enviam links automaticamente. Se algum endereço suspeito aparecer em sua tela, mesmo supostamente enviado por um amigo, não clique nele. Caso realmente quiser abrir a página misteriosa, use o webproxy do Google, um site que mostra textos e imagens de outros sem expor você a ameaças cibernéticas.

Não compartilhe arquivos

A função de compartilhamento de arquivos, aparentemente inocente, é uma das mais perigosas de programas como o Live Messenger, porque pode ser usada para enviar vírus e invadir um computador desatualizado.

Se precisar enviar um arquivo qualquer para alguém, use um serviço como o TinyUpload; para receber um arquivo, peça que mandem para esse site (e depois de fazer o download, verifique-o com um anti-vírus) ou que transfiram para seu e-mail, já que sistemas como o do Gmail e o do Hotmail possuem anti-vírus integrado.

Personalize as configurações

É espantosa a quantidade de usuários que não configuram nada além do visual dos programas que utilizam. Acesse as opções e as leia com atenção, para ativar todos os recursos de segurança e definir o modo como quer que o programa rode. Por exemplo, pode impedir que abra automaticamente junto com o Windows e que ele salve suas conversas no computador.

Não use versões antigas de programas

Outro equívoco comum é não manter programas que acessam a Internet atualizados. Um dos focos de desenvolvedores é justamente aprimorar a segurança, o que inclui correções de falhas que podem gerar transtornos a quem usa seus produtos. Por isso, verifique regularmente se há versões novas do Live Messenger e de outros aplicativos instalados na sua máquina.

Se a versão mais recente de algum deles ficar lenta no seu computador, procure uma alternativa em vez de continuar com a antiga. Exemplos de software que funcionam bem em computadores antigos são: o Miranda IM, que permite você fale com seus amigos do MSN e afins; o Opera Browser, programa para navegar pela Internet mais rápido e com mais segurança.

Não baixe plug-ins de terceiros

Muita gente se deixa convencer por promessas de recursos adicionais feitas por indivíduos sem vínculos com os desenvolvedores originais. Mantenha distância desses programinhas: por exemplo, um dos plug-ins mais famosos para o Live Messenger, o Messenger Plus! Live, é classificado como uma ameaça pela McAfee, renomada produtora de soluções de segurança virtual.

Não se esqueça de sair completamente

Supere o mau hábito de apenas clicar no × da janela. O programa é escondido, mas na verdade continua aberto, e a próxima pessoa que usar o micro poderá se passar por você. Para evitar que isso aconteça, nunca marque a opção "Salvar senha" da janela de conexão e sempre clique no ícone ao lado do relógio e escolha a opção "Sair", para terminar a sessão.

Tem alguma dica que não foi mencionada? Deixe num comentário para que todos possam se beneficiar.:)

2 comentários:

  1. boa tarde, estou procurando a muito tempo informações sobre como bloquear envio e recebimento de link no msn. já que links são portas pra entrada de virus, gostaria de bloquear qualquer link recebido de forma que o link não passe de um texto nomal. Não tenho como bloquear a internet então fiko vulneravel ao usuario clicar no link e pegar algum worm, trojan, virus sei lá oque.

    obrigado.

    ResponderExcluir
  2. Marcio, mesmo se fizesse isso, o usuário ainda poderia copiar e colar os links num navegador. Recomendo usar serviços de proteção como bons antivírus e firewall.

    ResponderExcluir

Aviso

Estou reorganizando o blog e algumas coisas podem estar fora de lugar. Os comentários antigos já foram transferidos para o sistema do Disqus.